GOVERNO

Depois de descumprir orientações da OMS Bolsonaro testa positivo para Covid-19

Bolsonaro-fala-sobre-nova-CPMF

Depois de menosprezar as orientações Organização Mundial da Saúde (OMS) deixando de usar máscaras e cumprimentando seguidores e apoiadores, o presidente Jair testou positivo para o Covid-19.

O comunicado foi feito nesta terça-feira (07), e transmitido ao vivo por meio da TV Brasil.

Bolsonaro revelou que teve febres e dores no corpo, mas que seu pulmão está ‘limpo’, segundo uma radiografia.

De acordo com Bolsonaro, ele tomou , remédio que vem defendendo como tratamento para a Covid-19. Não há comprovação científica da eficácia da hidroxicloroquina para a doença.

“Estou bem, estou normal. Em comparação a ontem [segunda], estou muito bem. Estou até com vontade de fazer uma caminhada, mas não vou fazê-lo por recomendação médica, mas eu estou muito bem”, afirmou.

O presidente tem 65 anos e faz parte da faixa etária considerada por especialistas como grupo de risco.

Ele informo que nos próximos dias vai despachar por videoconferênciana residência oficial do Palácio da Alvorada e que talvez receba auxiliares para assinar documentos. Bolsonaro cancelou viagens que faria à e a Minas Gerais.

‘Gripezinha’

“Em 24 de março, em pronunciamento em rede nacional de rádio e televisão, Bolsonaro chamou a covid-19, doença provocada pelo coronavírus, de “gripezinha”.

“No meu caso particular, pelo meu histórico de atleta, caso fosse contaminado com o vírus, não precisaria me preocupar. Nada sentiria ou seria, quando muito, acometido de uma gripezinha ou resfriadinho”, afirmou na ocasião.”

Outros testes

Desde março Bolsonaro fez outros três testes para detecção do coronavírus. O primeiro foi realizado após retornar de viagem aos Estados Unidos, na qual mais de 20 pessoas que tiveram contato com a comitiva tiveram a doença.

Em maio, em uma ação movida pelo jornal “O Estado de S. Paulo”, o entregou ao Supremo Tribunal Federal (STF) os laudos dos três exames, todos com resultado negativo.

Os exames foram entregues ao STF porque o presidente anunciou várias vezes que os eram negativos, mas se recusava a mostrar os laudos.

Veja também:

Comentários

Colabore com esse conteúdo deixando a sua opinião ou comentário. É muito gratificante para o produtor de conteúdo ter sua interação.