5 alimentos que são como veneno para seu cãozinho

Os cachorros podem seguir uma dieta similar a dos humanos, porém existem alguns alimentos que pedem cautela. Mesmo que o seu bichinho fique esperando um pedaço da sua refeição ao pé da mesa, com um olhar carente, conheça o que você não pode ceder a ele e por quê.

Muito utilizado em gomas de mascar e em vários doces que eliminam o açúcar, o xilitol é um adoçante que pode causar desconfortos abdominais, inclusive em humanos. Além disso, ele pode ser um estímulo à liberação de insulina desnecessária, o que pode desencadear outros problemas digestivos nos cães.

1.

DOCES

A Sociedade Americana para a Prevenção de Crueldade Animal (ASPCA) afirma que esses alimentos contêm substâncias chamadas metilxantinas, que podem provocar vômitos, diarreia, hiperatividade, tremores e outros sintomas adversos em animais.

CHOCOLATE E ALIMENTOS CAFEINADOS

2.

Apesar de serem ótimos temperos para nós, esses vegetais podem causar irritações gastrointestinais em cachorros, podendo até levar a danos nas células sanguíneas.

Cebola, cebolinha e alho

3.

Carnes cruas podem estar contaminada por bactérias, envolvendo intoxicação alimentar. No caso dos ovos cru, eles desfavorecem a absorção de vitamina B7. A falta desse composto no organismo pode levar a irritações e sensibilidade na pele. Já os ossos são perigosos porque podem fazer com que os bichinhos engasguem e, se engolidos, podem ficar presos no tubo digestivo.

Carnes, ovos e ossos crus

4.

Mais uma vez, o problema se repete entre humanos e animais. Industrializados com muito sódio podem elevar a pressão sanguínea e, nos cães causar problemas intestinais. O mesmo vale para comidas muito temperadas.

Sal e comidas industrializadas com muito sódio

5.

ANOTOU? AGORA JÁ SABE O QUE NÃO OFERECER A SEU AMIGUINHO!